NewsletterInstagramTwitter Facebook

Publicado em:
30
10/2017

Comece a consumir alimentos orgânicos agora. Saiba por quê

Os benefícios vão muito além da saúde dos consumidores e se estendem para produtores e meio ambiente. A Natureza agradece.

Quando o assunto é alimento orgânicos, muitas dúvidas continuam rondando a mesa do consumidor. Como identificar produtos orgânicos? Quais benefícios eles oferecem? São mais saudáveis?

Descubra os 10 principais motivos para começar a consumir produtos orgânicos o quanto antes.

1. Orgânicos são aqueles produzidos com métodos que não utilizam agrotóxicos sintéticos, transgênicos ou fertilizantes químicos. Os processos de produção dos alimentos respeitam e preservam o meio ambiente e mantêm a qualidade dos produtos.

2. Os principais tipos de produtos orgânicos produzidos no Brasil são cana de açúcar, grãos (soja, cacau, arroz, feijão, café), gengibre, guaraná, frutas (manga, morango, uva, pêssego, banana), tomate e legumes, além de néctares e sucos de frutas, geleias, laticínios, doces e até cosméticos.

3. O preço pode ser um dos empecilhos de se consumir mais produtos orgânicos. Mas, há uma explicação para isso: as técnicas de produção desses alimentos são mais caras e os alimentos são cultivados em menor escala.

4. Alimentos orgânicos ajudam a evitar problemas de saúde. Os agrotóxicos são prejudiciais ao organismo e os resíduos que permanecem nos alimentos podem provocar reações alérgicas, respiratórias, distúrbios hormonais, problemas neurológicos e até câncer, segundo pesquisas.

5. Os solos são mais ricos e balanceados com adubos naturais. Desta forma, eles produzem alimentos com maior valor nutritivo. A agricultura orgânica tem como base a preservação dos recursos naturais, preservando assim, não apenas a saúde dos consumidores e produtores, mas também o ar, o solo, a água e os animais.

6. Tanto o sabor quanto o aroma são mais intensos nos alimentos orgânicos, pois eles não são alterados pelo uso de agrotóxicos ou produtos químicos.

7. Por meio de técnicas orgânicas, o solo se mantém fértil e permanece produtivo por muitos e muitos anos. O cultivo orgânico protege também as águas, pois os agrotóxicos utilizados nas plantações atravessam o solo, alcançam os lençóis d’água e poluem rios e lagos.

8. Restaura a biodiversidade, protegendo a vida animal e vegetal. A agricultura orgânica respeita o equilíbrio da natureza, criando ecossistemas saudáveis.

9. Economiza energia. O cultivo orgânico utiliza intensamente a cobertura morta, a incorporação de matéria orgânica ao solo e o trato manual dos canteiros, em vez de petróleo usado na fabricação de agrotóxicos e fertilizantes.

10. O produto orgânico é certificado. A qualidade do produto é assegurada por um Selo de Certificação.

Fonte: PP, com informações dos portais Organicsnet e Corpo a Corpo